Eventos adversos após vacina DTP/Hib – Tetravalente

A vacina DTP/Hib (Tetravalente) é uma associação da vacina DTP (tríplice bacteriana) e da vacina contra a infecção causada pelo Haemophilus influenzae Tipo b (Hib), protegendo o indivíduo contra a difteria, o tétano, a coqueluche e outras doenças, tais como meningite bacteriana, pneumonia, otite, artrite e septicemias. Introduzida no calendário básico de rotina no Brasil a partir de 2002, é indicada para menores de 1 ano, devendo ser administrada aos 2, 4 e 6 meses de idade. Mesmo em sua maioria de caráter benigno, pode provocar vários eventos adversos, ocorrendo nas primeiras 48-72 horas que se seguem à aplicação da vacina.

 

Eventos adversos após vacina DTP/Hib – Tetravalente

tetra

Referência: 

  • Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Departamento de Vigilância Epidemiológica.  Manual de vigilância epidemiológica de eventos adversos pós-vacinação – Brasília: Ministério da Saúde, 2008.